Ocupa jacarezinho movimenta o sábado na favela

Cerca de 30 pessoas participaram, neste sabado(19) da caminhada Ocupa favela, desde a estação Maria da Graça do metrô até o bar Quilombo do Jacaré, na rua Esperança 112, no Jacarezinho, Zona Norte do Rio de Janeiro.

O endereço do bar do Rumba, liderança comunitária local, expressa o sentimento de todos. A esperança é a luta por uma favela humanizada e urbanizada, não um território de guerra e violência, muitas vezes tendo a polícia como protagonista.

A caminhada marca mais um evento preparatório para o tribunal popular, que será realizado após audiência pública para discutir a ação militar do governo estadual com o projeto Cidade Integrada.

Alguns moradores denunciaram que os polícias continuam, de forma ostensiva, intimidando as pessoas e muitas vezes atirando em qualquer um que eles consideram "suspeitos".

Entre as entidades e lideranças presentes ao ato estavam representantes dos advogados pela democracia, Favelação, Faferj, Comissao de Direitos Humanos OAB, Conselho Deliberativo da ABI, Associação dos juízes para a Democracia, Defensoria Publica, os mandatos da Mônica Francisco, Dani Monteiro e outros.

Vejam as imagens da caminhada.


A deputada Mônica Francisco esteve presente no atpo deste sábado(19) - foto Pedro Gomes

Rumba Gabriel, liderança do Jacarezinho, explicou os motivos da caminhada:







250 visualizações