Lançamento da TV Portal Favelas será nesta quarta

Jornalistas, artistas, lideranças populares e comunicadores de favelas do Rio de Janeiro, se reuniram nos últimos meses em projeto extremamente desafiador: A construção da TV Portal Favelas, que vem reunindo blogues, TVs, Rádios e jornais de várias favelas do Rio de Janeiro, numa plataforma única na internet, onde a negritude e as classes populares, moradoras das comunidades cariocas são os protagonistas da narrativa sobre o que nos acontece. O lançamento será no dia 12, às 11h, pelo Youtube. Para acessar, clique aqui.


Uma live no dia 13/08, às 21h, no Programa Favela É, com Laura Ferarez, José Carlos de Oliveira, Luiz Eduardo Soares e Gilberto Gil, que debaterão com nossos apresentadores sobre "Arte, Cultura: Segurança da Favela"


A prioridade é transmitir o bom cinema realizado com baixo orçamento na periferia, o Slam, o funk; o samba; a tradição ancestral da nossa culinária; a dança; a música e o credo multicultural; o empreendedorismo que sustenta e ensina o que é a solidariedade; os polos de conhecimento que temos construído; a representatividade negra e LGBT, que cresce como uma semente da cultura e da sabedoria popular e que tem a potência necessária para retomar as rédeas do Brasil que nos foi roubado pelo golpe, pelo discurso de ódio e pelo fascismo.


Somos moradores da Favela da Rocinha, do Complexo do Lins, do Vidigal, do Jacarezinho, da Maré, do Chapéu Mangueira, da Babilonia e muitas outras favelas que virão a público a partir da próxima semana para mostrar sua importante organização e iniciativa ímpar, rompendo o silenciamento, superando o medo e enfrentando a opressão, para tomar em mãos a cidadania que historicamente tem nos sido negada.


Virá de baixo para cima, da base, a retomada do nosso país! Pedimos apoio a nossa campanha de assinaturas para ajudar a sustentar essa Televisão na Internet que fará uma revolução nas comunicações brasileiras.

164 visualizações

O Portal Favelas é uma construção coletiva de moradores de favelas, para falar de e para as favelas, por meio da integração dos diversos canais de comunicação locais ou regionais.

  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube
  • Twitter