Em outubro - 1ª Conferência Popular Nacional de Saúde Mental Antimanicomial

Atualizado: Set 25

A Frente Ampliada em Defesa da Saúde Mental (Fasm) vai realizar a 1ª Conferência Popular Nacional de Saúde Mental Antimanicomial de 9 a 12 de outubro, com transmissão pelas redes sociais da Frente e do Conselho Nacional de Saúde (CNS). A Conferência, etapa preparatória para a 5ª Conferência Nacional de Saúde Mental, vai reunir cerca de mil pessoas e terá como tema “+ Liberdade + Diversidade + Direitos = Democracia”.

A conferência é fruto de uma mobilização que teve início em dezembro de 2020, em resposta à publicação das “Diretrizes para um modelo de atenção integral em saúde mental no Brasil”, pela Associação Brasileira de Psiquiatria, seguido do vazamento de um plano do Ministério da Saúde que previa a revogação seriada das principais portarias que garantem os direitos humanos dos usuários do SUS no atual modelo de atenção à Saúde Mental no Brasil..

Naquele mês, diante da intenção do Ministério da Saúde, familiares, usuários, trabalhadores gestores e movimentos progressistas democráticos vinculados à Saúde Mental Antimanicomial se uniram, dando origem à Frente Ampliada e às redes digitais, que reúnem os grupos de trabalho.


Foto: Brasil de Fato – De 2016, luta antimanicomial no Largo da Carioca, no centro do Rio – Luta Antimanicomial RJ

5ª Conferência Nacional de Saúde Mental

A 5ª Conferência Nacional de Saúde Mental (CNSM), organizada pelo CNS, será realizada de 17 a 20 de maio de 2022. O tema da conferência será “A Política de Saúde Mental como Direito: Pela defesa do cuidado em liberdade, rumo a avanços e garantia dos serviços da atenção psicossocial no SUS”.

A conferência nacional será precedida por conferências municipais e/ou macrorregionais, que deverão ser realizadas de 1º de novembro de 2021 a 31 de janeiro de 2022, e conferências estaduais e distrital, que poderão acontecer de 1º de fevereiro a 30 de abril de 2022.

O eixo principal da 5ª CNSM será “Fortalecer e garantir Políticas Públicas: o SUS, o cuidado de saúde mental em liberdade e o respeito aos Direitos Humanos”, que será dividido em quatro subeixos, sendo: Cuidado em Liberdade como Garantia de Direito à Cidadania; Gestão, financiamento, formação e participação social na garantia de serviços de saúde mental; Política de saúde mental e os princípios do SUS: Universalidade, Integralidade e Equidade; Impactos na saúde mental da população e os desafios para o cuidado psicossocial durante e pós-pandemia.


1ª Conferência Popular Nacional de Saúde Mental Antimanicomial

9 a 12 de outubro de 2021 - com apoio do CNS e do Conselho Federal de Psicologia (CFP)

Onde: Youtube CNS e Frente Ampliada

Como: Inscrições via formulário

Programação 1ª Conferência Popular Nacional de Saúde Mental Antimanicomial


22 visualizações